Venda de Bares e Restaurantes em Porto Alegre, RS

Entre em contato:
+ 55 (51) 3737-7337

Cinco dicas para investir em um restaurante em andamento e ter seu próprio negócio

Cinco dicas para investir em um restaurante em andamento e ter seu próprio negócio

Em qualquer ramo de atividade, quanto maior a análise menor o risco. Para bares e restaurantes, a orientação nãoé diferente. Um plano de negócios simples, contendo itens como: identificação da oportunidade de negócio, quantificação da clientela, estimativa de faturamento, investimento necessário e o custo operacional. O empreendedor deve avaliar o potencial/rentabilidade do negócio versus o retorno do investimento e entender o potencial de vendas de seu produto e serviço.

Verifique a documentação da empresa
Licenças, alvarás, concessões, contratos de locação e exploração de marcas, além de outros registros ligados a patentes, assim como pontos comerciais e demais titularidades devem estar feitos e em ordem. Nesse caso, essa situação contribuirá grandemente para economizar tempo e dinheiro em comparação à abertura de um negócio próprio, do zero. 

Investigue o ponto de venda e os resultados anteriores do negócio
A fim de evitar surpresas desagradáveis no futuro, avalie detalhadamente cada ponto relacionado ao negócio. Dentre esses fatores estão a estrutura da empresa, o treinamento das equipes, sua cartela de clientes e a respectiva frequência das vendas. Além disso, confira a localização do ponto de venda, o relacionamento com os fornecedores, entre outros aspectos. Vale ressaltar ainda que é muito importante ir ao lugar para observar e entender seus pormenores de operação, evitando-se assim possíveis enganos ou incertezas antes de assinar o contrato de compra do negócio.

Avalie as finanças
É essencial saber como é feito o controle financeiro da empresa e descobrir se existem dívidas com bancos ou com outras instituições financeiras, tributos em aberto, ações trabalhistas em que a companhia esteja no polo passivo, assim como execuções ou obrigações de médio e longo prazo. Vale ressaltar que qualquer passivo camuflado poderá arruinar os projetos e as chances de sucesso no negócio. Portanto, o levantamento da situação financeira da empresa deverá ser completo e minucioso.

Entenda as atividades da empresa 
Antes de fechar negócio, é importante considerar como está a atividade em que a empresa atua no momento, o lugar em que se encontra no mercado, perante os concorrentes, e a situação deles, as tendências de mercado naquele segmento, além dos riscos iminentes de investir no setor. Por isso, é fundamental levantar indicadores que sejam atrelados não apenas ao negócio, mas ao seu cenário. Isso trará importantes considerações sobre como você poderá agir dali para a frente ou mesmo se vale a pena investir nessa ocasião.

Contrate uma empresa de intermediação de negócios
Contratar uma empresa para intermediar a aquisição do negócio que está em funcionamento é uma excelente forma de evitar dores de cabeça durante o processo e também no futuro. Isso porque a intermediadora vai realizar, de maneira ética, segura e confidencial, todas as etapas de pesquisa e avaliação do negócio com o qual você pretende trabalhar. Além disso, ela lhe entregará os resultados e deixará para você a decisão de investimento. Dessa forma, você terá dados e números em mãos para uma decisão efetiva e certeira.

 

*Fonte: Redação Mundial Negócios

ativar o chat